Programa de Parcerias e Investimento – PPI

Promulgada em maio deste ano, a MP 727 criou o Programa de Parcerias e Investimento (PPI). A iniciativa, voltada às concessões públicas federais e às parcerias público-privadas, foi anunciada pelo presidente interino Michel Temer como instrumento para ampliar e fortalecer a interação entre Estado e iniciativa privada na viabilização da infraestrutura brasileira. O PPI estabelece três importantes iniciativas: instalação de uma secretaria-executiva responsável pelo desenvolvimento do programa; detalhamento de instrumentos para estruturação de projetos de infraestrutura; e criação de um fundo de apoio à estruturação de parcerias (Faep), a ser administrado pelo BNDES. Neste workshop, detalhamos cada uma dessas iniciativas, discutimos os desafios de implementação e seus impactos no mercado de infraestrutura.

Participantes:

• Adalberto Santos de Vasconcelos, secretário executivo adjunto do Programa de Parcerias de Investimentos
• Diogo Berger, responsável por project finance do Santander
• Elias de Souza, diretor da indústria de infraestrutura e do setor público da Deloitte
• Gustavo Magalhães, sócio-diretor da Ático
• Rafael Vanzella, sócio da área de Infraestrutura e Financiamento de Projetos do Machado Meyer Advogados

Conteúdo exclusivo para associados

Ingresse para o Clube de Conhecimento e tenha acesso a esse áudio e outras vantagens.